Bahia, 22 de Janeiro de 2019
Por: ASCOm Pinheiro
16/04/2016 - 20:48:03

Senadores fazem uma Nota Pública, convocando para uma coletiva, no Senado Federal, segunda-feira, 18, no final da tarde, na tentativa de encontrarem uma saída para a crise que se instalou no Brasil, mesmo com impeachment  ou não.

 

Veja a Nota:

 

Brasília, 16.04.2016

Um grupo de senadores, de vários partidos políticos, entende que a solução para a grave crise, cujo governo Dilma/Temer tem total responsabilidade, não será alcançada sem a participação direta do povo Brasileiro.

Por isso, o grupo convoca para uma entrevista coletiva, na próxima segunda-feira, dia 18 de abril, às 17h30, no plenário do Senado Federal, com o objetivo de adotar uma proposta que o momento político do país exige, buscando amplo diálogo para solucionar a crise.

Os senadores entendem que qualquer decisão tomada pela Câmara, no domingo (17), não resolve a crise. Pelo contrário, torna-a mais grave e aprofunda a divisão na sociedade.

O grupo entende que o caminho está em dialogar e pactuar uma saída, que envolva a sociedade, já que os rumos atuais nos conduzem para um sério impasse e apenas aprofundam a crise política e econômica.

O objetivo desse movimento é o de construir um 'instrumento' de decisão visando superar um dos graves erros históricos cometidos por essa coalizão de governo, sem que se assista, mais uma vez em nossa história, um arranjo que remeta para as camadas mais populares os custos e os encargos da crise.

Assinam,

Senadores

João Capiberibe (PSB – AP)

Walter Pinheiro (Sem Partido – BA)

Rodrigues (Rede –AP)

Lídice da Mata (PSB – BA)

Paulo Paim (PT-RS)

Cristovam Buarque (PPS-DF)

Veja + Notícias/Política