Bahia, 14 de Junho de 2024
Por: agazetabahia
11/06/2024 - 12:40:33

A servidora pública da Justiça Federal Laise Brandão,  procurou a editoria do site agazetabahia, na manhã desta segunda-feira, 10, para tornar público, a cerca do recebimento da denuncia pelo Juiz da 1ª Vara Criminal da Comarca de Eunápolis, Dr. Otaviano Andrade Souza Sobrinho, no dia 03 de junho, oferecida pelo Ministério Público Estadual, contra o conhecido médico eunapolitano, Marley Soares. Este que no momento encontra-se internado na UTI de uma unidade hospitalar nesta cidade.

A denúncia relatada pela servidora federal Laise Brandão contra o médico e que consta em todo processo, é muito grave, envolve sua filha, Ludmila Brandão, que segundo a genitora, sofreu abusos sexuais praticados por Dr. Marley, quando a mesma tinha seis anos de idade, atos praticados dentro de sua casa e em outros locais.  Relata, que os abusos do médico se tornaram frequentes, geralmente durante às noites, aproveitando-se de quando ela estava prestando serviço no SAMU, ou  na faculdade.

Os relatos sobre os atentados violentos ao pudor contra a criança, na época, constam na nova oitiva, feita na presença da delegada, no Complexo Policial de Eunápolis, datada de 04 de abril de 2024. Os fatos relatados são chocantes, e merecem o repúdio da sociedade.

Os abusos praticados por Marley, segunda Laise Brandão, seguiram-se na época, dentro do carro, na fazenda de sua propriedade e outros locais. Isso trouxe sérios danos para a mãe e a filha durante todos esses anos.
Passados quase 14 anos, Laíse Brandão está vendo agora, depois de tantos sofrimentos, a justiça sendo feita. Após a oitiva na Delegacia, em 04 de abril deste ano, o Inquérito Policial foi remetido para o Ministério Público Estadual que formulou a instauração de Ação Penal contra o médico Marley Soares.
O Juiz da 1ª Vara Criminal recebeu a denúncia, dando dez dias para o suposto abusador responder sobre as acusações.

A mãe de Ludmila Brandão, disse ainda, que o médico, possivelmente ao tomar conhecimento da decisão do Juiz Otaviano Andrade Souza Sobrinho entrou em pânico no mesmo dia, estando ele neste momento, hospitalizado em um hospital da cidade, na UTI, onde se encontra até esta data. 
O assunto ganhou enorme repercussão nas redes sociais. Em seu Instagram, Laíse Brandão trata o médico como abusador de crianças.  Contando detalhes dos abusos praticados por ele, e o longo e doloroso caminho que travou para obter o olhar da Justiça.
A reportagem do site agazetabahia tentou conversar com pessoas ligadas a Dr. Marley mas não foi possível.
Deixamos aqui, o espaço para as devidas manifestações dos advogados do médico.

Veja + Notícias/Geral