Bahia, 21 de Outubro de 2019
Por: A Gazeta Bahia
09/10/2019 - 08:02:55

Diferente do Hospital do Estado Luiz Eduardo, em Porto Seguro, que é administrado por empresa terceirizada, sob rígidos conceitos. O Hospital Regional de Eunápolis, uma unidade municipal, mas que atende todo tipo de pacientes, bem que deveria adotar as mesmas normas aplicadas no Luiz Eduardo.
Pelo menos, ninguém prestaria o papel de ficar passeando pelos corredores, colocando papelão no chão para produzir imagens, gravando com pacientes, entrando nas enfermarias e nos locais impróprios da unidade hospitalar.
Talvez, se tivessem tomado providências, antes. Nada disso estaria acontecendo hoje.

 

Veja + Comentários do Tomás