Bahia, 19 de Novembro de 2018
OPERAÇÃO DA PF

Polícia Federal deflagra operações para combater fraudes em licitações nos municípios do sul da Bahia e Itabela
Segundo a PF, os valores repassados pelas prefeituras às empresas investigadas entre 2015 e 2017 chegam a R$ 34 milhões. As operações batizadas de "Sombra e Escuridão" e "Elymas Magus" cumprem 13 mandados de prisão preventiva e 50 mandados de busca nas cidades de Aurelino Leal.
Por: Metro1
06/11/2018 - 12:43:53

A Polícia Federal deflagrou, na manhã de hoje (6), duas operações para combater organizações criminosas especializadas em fraudes a licitações e desvio de recursos públicos que atuam em municípios do sul da Bahia.

Segundo a PF, os valores repassados pelas prefeituras às empresas investigadas entre 2015 e 2017 chegam a R$ 34 milhões. As operações batizadas de "Sombra e Escuridão" e "Elymas Magus" cumprem 13 mandados de prisão preventiva e 50 mandados de busca nas cidades de Aurelino Leal, Camamu,Ibirapitanga, Igrapiúna, Ilhéus, Itabela, Itabuna, Ituberá, Santo Antônio de Jesus, Ubaitaba e Ubatã

De acordo com os investigadores, as empresas que fraudavam as licitações não tinham "a mínima capacidade para a execução dos serviços e obras contratadas". Segundo eles, muitas obras não foram sequer concluídas, como creches, unidades básicas de saúde e quadras de esportes.

A PF aponta ainda que alguns suspeitos participavam do processo licitatório apenas para “tumultuar”, "ora participando dos certames para exigir propina das empresas concorrentes para que desistisse, ora fazendo ajustes prévios e combinações para vencer as licitações e posteriormente abandonar os contratos".

Os suspeitos podem responder pelos participação em organização criminosa, fraude a licitação, falsidade ideológica, corrupção passiva e ativa. 

Veja + Notícias/Geral
GOVERNO

O presidente eleitor, Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas
Em meio a reações como a do governo cubano que decidiu suspender a parceira com o Programa Mais Médicos, o presidente eleito Jair Bolsonaro voltou a defender hoje (19) a manutenção dos valores e princípios brasileiros. Numa rede social, ele disse que o país vai manter as boas relações [diplomáticas], mas exigirá respeito à sua soberania.