Bahia, 16 de Dezembro de 2018
Por: A Gazeta Bahia
10/10/2018 - 08:42:21

Mais uma vez, seguindo a tradição, o eleitorado eunapolitano não votou maciçamente nos candidatados do PT. O governador Rui Costa por pouco não perdeu em votação para o então candidato da oposição José Ronaldo. Rui recebeu 23.756 votos, e José Ronaldo 23.288.
Outro dado interessante foi a votação para senador. O ex-governador Jaques Wagner recebeu 18.590 votos, e Irmão Lázaro 31.572. Uma diferença de quase 13 mil votos.
Essas votações contrárias ao governo são demonstrações de insatisfações com o descaso que predomina sobre o município eunapolitano. Imaginem que, ao longo de 12 anos de mandatos petistas não existe uma obra que mereça destaque. O município ficou órfão de investimentos durante todo governo de Wagner, que mais enrolou com seu discurso conciliador.
Durante os quase quatro anos do mandato de Rui Costa, nada foi significativo, capaz de encher os olhos da população local, do empresariado, da educação, da saúde pública, da segurança, da agricultura.
O saneamento básico está emperrado na gaveta do governador. Os colégios do Estado estão se deteriorando. A estrada da Colónia que custa a bagatela de R$ 6 milhões, ainda não saiu. Uma ninharia, para um município grande fonte arrecadadora. Os recursos que enviam para Eunápolis, são fontes parcas. A cidade cresce diariamente, graças ao seu povo. Graças ao prefeito Robério que tem de certa forma, dado um rumo melhor a este município. 
Por pouco Rui Costa não perde em Eunápolis, fato que comprova a descrença do seu povo com o Governo do Estado, que tem enganado, e vem matando a esperança dessa gente.

 

Veja + Notícias/Geral